Notícias

JPMorgan lança criptomoeda JPM Coin

Após duras críticas ao bitcoin e às critpomoedas baseadas em blockchain a J. P. Morgan lança a JPM Coin.

Um banco “Contradição”

“Bitcoin não vai sobreviver”. “Bitcoin não vai a lugar nenhum.” “Bitcoin é uma fraude.”

Todas essas frases são citações proferidas pelo CEO da J.P.Morgan, Jamie Dimon em entrevistas desde 2015. Hoje, dia 14 de fevereiro de 2019, ele anunciou a criptomoeda da J.P. Morgan, baseada em blockchain. Chamada de JPM Coin, ela faz o J.P. Morgan ser o primeiro grande e relevante banco a criar uma moeda digital.

O J.P.Morgan tem 220 anos (“com tradição”) é uma das instituições financeiras mais respeitadas no mundo. É também a terceira maior empresa com capital público do mundo de acordo com a Forbes.

No primeiro momento, a aposta de Dimon em criptomoedas pode parecer contraditória. No entanto, se olhar profundamente, notará que essa estratégia está, de certa forma, alinhada com o pensamento original dele – e da instituição.

O JPM Coin funciona de maneira parecida com uma stablecoin. É uma moeda que, embora acionada por blockchain, está ligada a um ativo – neste caso, o dólar. Ao invés de existir independentemente de moeda fiduciária, como o bitcoin, as JPM Coin (s) são convertidas em dólares americanos. Desta forma, elimina-se as repentinas oscilações de valor de outras criptomoedas, efetivamente.

Velocidade vs Privacidade

A proposta de valor do JPM Coin, ao contrário do Bitcoin, não está ligada à privacidade ou ao anonimato. O valor real da JPM Coin, neste momento, é a velocidade. Como Umar Farooq, chefe de iniciativas blockchain da J.P. Morgan, explicou à CNBC, a aplicação mais imediata da JPM Coin será em pagamentos internacionais.

Quando os investidores depositam dinheiro usando a estrutura bancária do J.P. Morgan, eles podem optar por receber criptomoedas (JPM Coin), que vão permitir a realização de transações em todo o mundo rapidamente – sem esperar mais pelas transferências eletrônicas.

O que esperar?

A JPM Coin é apenas a ponta do iceberg da blockchain no J.P. Morgan. Como Farooq diz, “As aplicações são francamente bastante intermináveis”. Isso sinaliza que o futuro da moeda baseada em blockchain, pelo menos no curto prazo, pode não estar no anonimato ou na separação dos governos.

Projetos como o da JPM Coin sugerem um futuro em que as stablecoins, com o apoio de governos e grandes instituições financeiras, podem ser os grandes ganhadores em criptomoedas.

De qualquer forma, para a comunidade das criptomoedas descentralizadas, a contradição é gratificante. Grandes instituições investindo em tecnologias de blockchain tornam as criptomoedas mais conhecidas. Portanto, é possível visualizar benefícios futuros para o bitcoin e as criptos originais.

Read more

50 Cent ou 8 milhões de Bitcoins ~Biscoint

(Tradução Adaptada)

Alguns boatos na web dizem que o rapper 50 Cent acumulou milhões de bitcoins e havia esquecido disso, mas muitos duvidam da veracidade de tal informação. Por isso, nós resolvemos vasculhar a web com o objetivo de investigar se é verdade ou mentira.

50 Cent ou 8 milhões em Bitcoin?

Em 2014, o rapper resolveu vender seu álbum “Animal Ambition” utilizando a plataforma do Bitpay para receber os pagamentos em Bitcoin. 50 Cent foi tão assertivo na sua escolha que mobilizou vários entusiastas da criptomoeda da primeira geração e do hip hop. Além de ser um artista e produtor de rap de sucesso, 50 Cent é um notável empreendedor, tendo investido em diversos negócios no decorrer da sua carreira.

Na época, o presidente executivo da BitPay, Tony Gallippi, saudou o anúncio dizendo: “Estamos empolgados em ver artistas independentes de alto perfil usarem o bitcoin e a trilha do 50 Cent como um inovador”.

O rapper 50 Cent é um empreendedor e verdadeiro entusiasta da tecnologia. Ele complementou sua receita através de uma estratégia muito inteligente e pensando fora da caixa, literalmente abraçou a tecnologia de pagamentos do Bitcoin. O artista já vendeu mais de 30 milhões de discos e seu sucesso com a venda do álbum, aceitando bitcoin não seria diferente.

Centenas de Milhares de Vendas Aceitando Bitcoin

Além do interesse por Bitcoin, 50 Cent é investidor assíduo. Mais famoso por seu investimento na Glaceua, que depois foi vendida para o conglomerado de bebidas Coca-Cola por US $ 4,1 bilhões, 50 Cent também se engajou em outros investimentos notáveis ao longo dos anos.

Dado o notável ativismo de 50 Cent como investidor, é possível perceber que a mudança signifique o maior interesse do astro do rap em moedas digitais. Por exemplo, ao aceitar o bitcoin como pagamento por cópias de ‘Animal Ambition’, o empreendimento fornece a Curtis Jackson (50 Cent) uma maneira interessante de acumular BTC.

A CoinDesk (site de notícias especializado em moedas digitais e bitcoins) tentou contatar o porta-voz de 50 Cent, mas não quiseram se manifestar sobre o assunto. Mas sabe-se que o rapper vendeu milhares de cópias e conseguiu acumular entre US$ 7 milhões e US$ 8 milhões em bitcoins devido à venda de seu álbum Animal Ambition, lançado originalmente em 2014.

Verdade ou Mentira: 50 Cent ou US$ 8 milhões em Bitcoins?

De acordo com nossa pesquisa, o rapper Curtis Jackson, conhecido como 50 Cent resolveu mesmo aceitar pagamentos pela cópia do seu álbum em 2014. Mesmo sendo verdade ou mentira, os grandes portais de notícias dizem que 50 Cent foi um dos primeiros hodlers de bitcoin do mundo da música.

50 Cent apareceu e confirmou a notícia em uma legenda no Instagram: “Não é ruim para uma criança do South Side, estou muito orgulhoso de mim”, seguido do comentário “Eu sou uma pessoa real, esqueci que fiz essa merda. Lol. ” Em um post posterior do Instagram, ele mostrou imagens de bitcoin com a legenda: “ todo dinheiro é bom dinheiro aqui ”.

Aparentemente, realmente o rapper 50 Cent acumulou centenas de milhões de frações de Bitcoin. 50 Cent pode ter tropeçado em seus milhões de cripto, mas isso não diminui sua visão inicial de apoiar a moeda digital ainda bastante obscura. Ainda assim, as fortunas da criptomoeda podem mudar a qualquer momento. Nós estamos super curiosos e queremos saber o que ele planeja fazer com seus bitcoins. Compartilhe sua opinião nos comentários!

Se você curtiu o conteúdo não deixe de seguir o Biscoint nas redes sociais!

Facebook | Twitter | Youtube

Referências:
TechCrunch
CoinDesk
Motherboard

Read more